ModaLisboa Metaphysical – ModaLisboa
28613
portfolio-item-template-default,single,single-portfolio-item,postid-28613,theme-audrey,eltd-core-1.1.1,woocommerce-no-js,et_monarch,community,portfolio-item-modalisboa-metaphysical,modalisboa-child-ver-1.0.0,audrey-ver-1.5,eltd-smooth-scroll,eltd-smooth-page-transitions,eltd-mimic-ajax,eltd-grid-1200,eltd-blog-installed,eltd-follow-portfolio-info,eltd-default-style,eltd-fade-push-text-right,eltd-header-standard,eltd-fixed-on-scroll,eltd-default-mobile-header,eltd-sticky-up-mobile-header,eltd-menu-item-first-level-bg-color,eltd-dropdown-default,eltd-light-header,eltd-fullscreen-search eltd-search-fade,eltd-side-menu-slide-from-right,eltd-woocommerce-columns-2,eltd-woo-small-space,eltd-woo-single-thumb-below-image,eltd-woo-single-has-pretty-photo,wpb-js-composer js-comp-ver-6.4.1,vc_responsive

Community

ModaLisboa Metaphysical

MODALISBOA METAPHYSICAL

Metaverso. NFT. Cripto. Hiperconectividade. Descentralização. Web3. Skins. Blockchain. Uma mudança de vocabulário é sintoma de uma mudança de sistema, e o que conhecemos enquanto realidade dogmática não evoluiu à mesma velocidade que os movimentos sociais. É necessária uma implementação de valores universais intangíveis. É necessário ir para além do físico para construir o novo físico.

MODALISBOA METAPHYSICAL, em co-organização com a Câmara Municipal de Lisboa, chega de 10 a 13 de março de 2022 à Factory Lisbon, no Hub Criativo do Beato. Este início de uma nova fase é um evento presencial com uma crescente componente digital — é meta, e é físico — em constante experimentação, que cruza as geografias da Moda, da Tecnologia, da Inovação e da Arte num caminho de encontro de práticas multidisciplinares onde se ensaiam novas possibilidades de permanência. Precisámos, nos últimos dois anos, de olhar para o real de um modo renovado, com uma série de pensamentos abertos, sem ingenuidade mas com uma esperança limpa de resolução. Os problemas são complexos, mas a ModaLisboa será — terá de ser — um laboratório privilegiado para a sensibilidade e o espanto da criação.

Esta migração do discurso de Moda para um fascínio digital não é motivada apenas pela quase infinita oportunidade de negócio, mas pela força-motriz que é um terreno fértil de descoberta e criatividade, um entusiasmo quase infantil, no mais belo sentido, por algo finalmente novo. O prefixo META significa, na sua génese, “para além de”, e tanto a Moda como a Sociedade se estão a mover para além do plano físico. Não falamos apenas em termos concretos, de código e programação, mas da intangibilidade, da empatia, do humanismo. Menos produto, mais propósito. Talvez os pilares ideológicos deste Metaverso agora em construção possam ser o espelho de que precisamos para o hoje e consigam projetar a sua luz sobre o presente: a democracia, a descentralização de poder, a liberdade de identidade, a verdadeira conexão entre pessoas, lugares e coisas, sem fronteiras. A 58ª Lisboa Fashion Week é, assim, uma conversa, um ensaio, uma discussão, uma porta para o universo dos universos.

MODALISBOA METAPHYSICAL. A criação, para além de tudo.

.

CAMPANHA:
Concept and Talent: Damara Inglês
Photographer: Eduardo Gonçalves
Photo Assistant: Pedro Leote
Lightning Technician: Rodrigo Delgado
Make-Up: Antónia Rosa assisted by Mário de Carvalho
Hair: Afro Wasemwa
Dress: Constança Entrudo
Design: Joana Areal

Date

Fevereiro 16, 2022

Like